SANTUÁRIO DE BALEIAS DO ATLÂNTICO SUL ESTÁ MAIS PERTO DE SE TORNAR REALIDADE NO BRASIL, AFIRMA MINIS


DHT é atualmente a forma de fortalecer e garantir a atuação do profissional Oceanógrafo no mercado de trabalho

Brasil, África do Sul, Argentina, Gabão e Uruguai lançaram nesta quinta-feira (18/08), no Rio de Janeiro, a campanha pela criação do Santuário das Baleias do Atlântico Sul. O objetivo é sensibilizar a comunidade internacional para aprovar o estabelecimento de uma área de conservação dos animais que habitam o oceano Atlântico. O lançamento faz parte da programação do Ministério do Meio Ambiente (MMA) nos Jogos Olímpicos Rio 2016.

O engajamento da sociedade ocorrerá por meio das redes sociais, com a hashtag #SantuarioEuApoio e de um grande abaixo-assinado. O ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho, destacou que a campanha tem a intenção de captar votos de países ainda indecisos em relação à criação do Santuário, que será decidida pela comunidade internacional em outubro. “Temos vários aliados e queremos que a sensibilidade em todo o mundo defenda as baleias”, declarou o ministro.

A medida reforça a liderança brasileira na agenda ambiental. Sarney Filho ressaltou a recuperação das populações das baleias jubarte, antes ameaçadas de extinção, como um dos principais avanços no assunto. “O Brasil sempre teve uma postura ativa na conservação dessas espécies”, afirmou o ministro. “Vamos aproveitar esse momento de união dos países nos jogos olímpicos para lançar essa campanha global”, acrescentou.

“Está faltando muito pouco para conseguirmos dar esse grande passo na conservação das baleias”, afirmou a presidente do Instituto Baleia Jubarte, Márcia Engle.

Leia a reportagem completa em http://goo.gl/x7QSDn






Posts Em Destaque
Posts Recentes